ESCLARECIMENTOS
Secretário é convocado para tratar sobre a segurança no MA
Por José Linhares Jr • 07/06/2022
Compartilhe
Titular da Segurança Pública do Maranhão, coronel Silvio Leite, vai esclarecer sobre o efetivo da PM e episódios de violência e homicídio em todo o estado.

O secretário de Segurança Pública do Maranhão, coronel Silvio Leite, foi convocado pela Assembleia Legislativa para prestar esclarecimentos sobre a atual situação da segurança no Maranhão.

O requerimento é de autoria do deputado Wellington do Curso (PCS) e foi aprovado por unanimidade na manhã desta terça (07/06) pelos parlamentares. Ele também reforça ao Governo do Estado a nomeação dos 1.400 aprovados no último concurso da PMMA, além dos subjudices e remanescentes, pois, de acordo com o parlamentar, o Maranhão tem um déficit de 4.216 no quadro da Polícia Militar e mais 2 mil vão se aposentar.

Além de tratar sobre os quadros da PM, o titular da SSP/MA também vai esclarecer sobre a insegurança com diversos episódios de violência e homicídio em todo o Maranhão. Quando foi entrevistado no JMTV 1ª edição, em 19 de maio detse ano, Silvio Leite disse que a violência na Grande São Luís estava ‘em declínio’. No entanto, dados da própria Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA), já contradiziam a afirmação.

Além de ressaltar os dados do Monitor de Violência, à época, os índices citados pelo secretário não haviam coletado os registros dos meses de abril e maio. Recentemente, de acordo com dados da Secretaria de Segurança Pública, comandada pelo coronel, a Grande Ilha já soma mais de 140 mortes violentas durante os cinco primeiros meses deste ano.

Inclusive, somente no mês de maio o registro foi de 23 assassinatos e 78% desses casos ocasionados por arma de fogo.

Compartilhe
16/07/2024
OBRAS E EMENDAS
Três em cada 4 capitais têm nota regular ou ruim em transparência
16/07/2024
DELEGADO-GERAL
Manoel Almeida Neto assume Polícia Civil do Maranhão
15/07/2024
DECISÃO
Trump escolhe senador como candidato a vice-presidente

1 Comentário

  1. Werneson

    parece que tanto o secretario de segurança, quanto o governador do estado, não estão nem aí pra segurança pública. ta parecendo que o São João, a entrega de cestas básicas e de peixes são mais importante que a própria vida do ser humando. tem alguma coisa estranha aí. enquanto isso, esses coitados 1400 soldados formados desde 2018, ficam a mercer do comunismo.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda