DELAÇÃO
Delação de servidor leva ao afastamento de Paula da Pindoba
Por linharesjr.com.br • 17/06/2024
Compartilhe
Prefeita afastada
Testemunho de servidor de almoxarifado da Prefeitura de Paço do Lumiar foi determinante para afastamento de prefeita.

PAÇO DO LUMIAR, 17 de junho de 2024 – A delação de José Cláudio Pereira Soeiro, servidor do almoxarifado da Prefeitura de Paço do Lumiar, foi crucial para que a Justiça decretasse o afastamento da prefeita Paula da Pindoba (PCdoB) no final de maio.

Soeiro foi ouvido por membros do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e pela promotora titular da 1ª Promotoria de Justiça da cidade, revelando irregularidades na gestão dos recursos do Fundo Municipal de Saúde.

Soeiro relatou que não havia registro de entrada de materiais adquiridos pela prefeitura. As empresas T & V Comércio e V E Rocha Ferreira deveriam fornecer materiais permanentes e aparelhos de ar-condicionado e ventiladores para as secretarias municipais de Educação (Semed), Administração e Finanças (Semaf) e Saúde (Semus).

Contudo, os promotores encontraram discrepâncias entre os produtos descritos nas notas fiscais e os efetivamente fornecidos, além de sobrepreços na venda dos produtos ao município, conforme demonstrado nas planilhas apresentadas.

Em seu depoimento, Soeiro expressou demonstrou com sua segurança e a de sua família, e está em tratativas para ser incluído em um programa de proteção.

A partir dessa oitiva, o Ministério Público conseguiu aprofundar as investigações, resultando no afastamento de Paula da Pindoba e na quebra dos sigilos fiscal e bancário dos investigados.

Em sua defesa, a prefeita Paula da Pindoba gravou um vídeo comparando-se ao presidente Lula (PT) e alegando ter sido vítima de um golpe.

Compartilhe
15/07/2024
DECISÃO
Trump escolhe senador como candidato a vice-presidente
15/07/2024
PROTESTO
Servidores do Detran exigem saída de secretário após 50 dias
15/07/2024
MARANHÃO
Número de motoristas com problema de visão dobra em 10 anos

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda