PRISÃO
Técnico do Moto é preso em jogo do campeonato maranhense
Por linharesjr.com.br • 18/01/2024
Compartilhe
Marcinho Guerreiro
Marcinho Guerreiro foi detido por questões de pensão alimentícia minutos antes de partida em Imperatriz.

IMPERATRIZ, 18 de janeiro de 2024 – O técnico Marcinho Guerreiro, à frente do Moto Club, enfrentou uma situação inusitada antes da partida contra o Imperatriz, válida pela segunda rodada do Campeonato Maranhense. O treinador foi preso minutos antes do início do jogo devido a atraso no pagamento de pensão alimentícia.

O episódio ocorreu no Estádio Frei Epifânio, onde Marcinho Guerreiro presenciou o aquecimento da equipe antes de ser detido ao retornar ao vestiário. O treinador foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil de Imperatriz com base em um mandado de prisão com validade de 60 dias.

Lucas Guerreiro, filho de Marcinho e auxiliar-técnico da equipe, assumiu o comando do Moto Club na ausência do treinador. O Papão do Norte acabou perdendo por 3 a 1 para o Imperatriz, permanecendo sem vitórias no Campeonato Maranhense.

Após o incidente, o Moto Club emitiu uma nota por meio de sua assessoria de imprensa, afirmando que não tinha conhecimento da situação envolvendo o técnico e que tomará as medidas necessárias após a apuração dos fatos.

“Ao tomar conhecimento da situação envolvendo o técnico Marcinho Guerreiro, o Moto Club esclarece que não tinha ciência dos fatos e que, após uma completa apuração, tomará as medidas cabíveis. O clube se manifestará assim que todos os detalhes forem esclarecidos”, destacou a nota.

A defesa de Marcinho Guerreiro não foi localizada para comentar sobre o ocorrido.

Compartilhe
17/04/2024
EXTORSÃO
Processo contra promotor do MPMA sugere perda do cargo
17/04/2024
CONCORRÊNCIA
Disputa no STJ gera racha no Supremo Tribunal Federal
17/04/2024
OBSTÁCULOS
Ministro da Educação culpa burocracia por obras paradas no MA

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda