INVESTIGADO
Prefeito é investigado por contratação da própria empresa
Por linharesjr.com.br • 20/01/2024
Compartilhe
Prefeito empresa
A defesa do gestor de São João dos Patos apresentou documento falso, apontando a saída do prefeito da sociedade antes da data real.

SÃO JOÃO DOS PATOS, 20 de janeiro de 2024 – O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA) está prestes a analisar uma representação do Ministério Público de Contas (MPC) que denuncia a contratação da empresa NJ Serviços Médicos Ltda pela Prefeitura de São João dos Patos, no sul do Maranhão.

A empresa tem como um dos sócios o próprio prefeito, Dr. Alexandre Magno Pereira Gomes (PTB).

De acordo com a denúncia do MPC, a empresa prestou serviços ao município desde 2021, quando o prefeito assumiu o cargo. Apesar de o prefeito ter entrado na sociedade em janeiro de 2019, a documentação apresentada na defesa indicava sua saída em 25/09/2023.

A falsificação foi identificada pela vereadora Keyla Maria Sodré de Souza, que também revelou a participação de outros 40 agentes públicos na sociedade.

O MPC destaca que as contratações ocorreram por meio de editais de credenciamento de empresas, sendo que apenas a empresa do prefeito compareceu nos três anos consecutivos.

Além disso, aponta irregularidades na pesquisa de mercado que embasou os valores das contratações, considerando a existência de sócios em comum entre as empresas consultadas e a contratada.

Os contratos entre 2021 e 2023 totalizam quase R$14 milhões, sendo aproximadamente R$12 milhões já pagos. Em novembro de 2023, após a abertura do processo no TCE, a prefeitura rescindiu um contrato no valor de R$7.053.106,04 de forma “amigável”.

O caso também foi encaminhado ao Ministério Público do Estado (MPMA).

Compartilhe
17/04/2024
EXTORSÃO
Processo contra promotor do MPMA sugere perda do cargo
17/04/2024
CONCORRÊNCIA
Disputa no STJ gera racha no Supremo Tribunal Federal
17/04/2024
OBSTÁCULOS
Ministro da Educação culpa burocracia por obras paradas no MA

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda