INQUÉRITO
Ministério Público investiga possível caso de corrupção em Codó
Por José Linhares Jr • 20/01/2023
Compartilhe
Administração de Zé Francisco é suspeita de beneficiar empresas em processo de licitação na cidade.

O Ministério Público do Maranhão (MPMA) instaurou inquérito para apurar possíveis irregularidades no processo licitatório Pregão Eletrônico nº 027/2022 – CPL/PMC (Processo Administrativo nº 1299,1300,1467/2022) em Codó. O MPM suspeita de irregularidades na contratação de uma empresa especializada na prestação de serviços terceirizados.

Há a suspeita de que a empresa vencedora do processo, a L G de Sousa Solucões e Negócios Eireli, tenha obtido vantagens indevidas. Uma das empresas que participou da licitação, o Instituto Viver, chegou a pedir a revisão e reformulação do resultado do pregão.

O promotor responsável pela investigação de possíveis fraudes é Carlos Augusto Soares, titular da 1ª Promotoria de Justiça da comarca de Codó.

A cidade é administrada por José Francisco Lima Neres, conhecido como Dr. Zé Francisco.

Compartilhe
30/08/2023
FPM
União repassa bilhões, mas Codó e Cidelândia estão impedidas
21/08/2023
PERITORÓ
Assaltantes são condenados por roubo de 632 botijões de gás
13/07/2023
IRREGULARIDADES
MPMA investiga prefeito de Codó por uso de verbas federais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda