MACHISMO?
Governo Lula decide acabar com homenagem a Princesa Isabel
Por José Linhares Jr • 04/04/2023
Compartilhe
Ícone da participação feminina na política nacional, Isabel teve homenagem do governo federal anulada por Lula.

O governo Lula decidiu acabar com a “Ordem do Mérito Princesa Isabel”. A homenagem era usada para reconhecer pessoas e entidades que tenham prestado “notáveis serviços” relacionados à proteção e à promoção dos Direitos Humanos.

Isabel Cristina Leopoldina Augusta Micaela Gabriela Rafaela Gonzaga de Bourbon e Bragança, a Princesa isabel, foi responsável pela assinatura da Lei Áurea, que instituiu a proibição da escravidão no Brasil.

Em tempos de enaltecimento do empoderamento feminino, a figura da Princesa Isabel deveria ser tratada com mais respeito. Ela foi uma das primeiras mulheres a governar o Brasil. Foram três ocasiões em que ela assumiu como regente durante ausência do rei, Dom Pedro II.

Se não fosse pelo golpe militar que destituiu a família real em 1889, historiadores afirmam que Isabel teria subido ao trono. A vontade de impedir que uma mulher assumisse o poder no estado também figurou entre as motivações do golpe.

Até a manhã desta terça (4 de abril), nenhuma entidade feminista divulgou nota protestando contra o decreto do governo Lula.

Compartilhe
17/04/2024
DÉBITOS
Governo do Maranhão renegocia dívida com a União
17/04/2024
INVESTIGAÇÃO
Caso Odylo: Membros da Seduc faltam a reunião com delegado
17/04/2024
SENADO
Senadores maranhenses se dividem sobre PEC das Drogas

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda