"TEMPOS ESTRANHOS"
Caso Musk e Moraes é comparado à fala de Fernando Braide
Por linharesjr.com.br • 11/04/2024
Compartilhe
Fernando TRE-MA
Presidente do TRE-MA alegou preocupação após fala de Fernando Braide apontando que juíza não deveria participar do julgamento do PSC.

MARANHÃO, 11 de abril de 2024 – Durante a última sessão do TRE-MA, o presidente, desembargador José Luiz de Almeida, usou o embate entre Elon Musk e Alexandre de Moraes para comparar com o declaração proferida pelo deputado Fernando Braide (PSD) contra a juíza Rosângela Santos Prazeres Macieira.

O magistrado disse que “vivemos tempos estranhos” e demonstrou preocupação com o embate entre o empresário, dono do X/antigo Twitter e o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), e às falas proferidas pelo deputado estadual.

@atualizama Embate entre Musk e Moraes é comparado a discurso do deputado Fernando Braide contra a juíza Rosângela Santos Prazeres Macieira. . . . #elonmusk #alexandredemoraes #maranhao ♬ som original – Atualiza MA

Recentemente, Fernando Braide apresentou evidências contra a juíza Rosângela Prazeres em uma entrevista ao programa Bastidores, da TV Mirante.

Braide, que teve seu mandato cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão por suposta fraude à cota de gênero pelo PSC nas eleições de 2022, afirmou que está sendo injustiçado e prometeu recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Em sua fala, o parlamentar argumentou que a juíza Rosângela Prazeres não poderia participar do julgamento devido a interesses familiares envolvidos. Ele apontou que o filho da juíza foi estagiário por vários anos no escritório do filho do acusador, o qual defende o marido dela em processos judiciais.

Além disso, destacou que o sócio desse escritório é casado com uma pessoa que ocupa cargo de confiança no gabinete da juíza e também foi doador de campanha de um dos acusadores.

“Onde tem uma juíza sim, com provas robustas que não deveria participar do julgamento, o filho que foi estagiário por vários anos do escritório do filho do acusador, esse mesmo escritório é quem defende o marido dela na justiça. O sócio do escritório tem a esposa que tem o cargo de alto grau de confiança no gabinete da juíza, e também foi doador de campanha de um dos acusadores. Ou seja, são provas mais do que robustas de que ela não poderia participar de maneira alguma do julgamento. É isso onde eu digo que há a maior injustiça contra o meu partido […] Se existe algum conluio é da parte acusadora. Onde são três os autores da ação. Um é do partido do governador e ocupa o cargo de secretário de estado. O outro é marido da senadora Eliziane Gama, senadora que tem dois irmãos membros do governo do estado. E o terceiro partido, onde já foi provado nessa suspeição, onde ele tem contato com membros do TRE, inclusive uma julgadora do caso”, declarou.

Compartilhe
25/05/2024
PENA
Ex-prefeito de Graça Aranha condenado por irregularidades
25/05/2024
APOIO AO TERROR
Terroristas usaram agência da ONU para esconder cadáveres em Gaza
25/05/2024
Rejeição a Lula entre população do Brasil supera aprovação

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda