UNIÃO EUROPEIA
Agricultores da Espanha e Itália protestam contra Agenda Verde
Por linharesjr.com.br • 09/02/2024
Compartilhe
Itália Espanha
Agricultores espanhóis e italianos se unem contra as políticas ambientais da União Europeia, mobilizando milhares de tratores.

EUROPA, 09 de fevereiro de 2024 – A insatisfação dos agricultores da Espanha e da Itália com a “agenda verde” da União Europeia (UE) se intensificou com protestos massivos. Na última terça (6), os agricultores espanhóis começaram a manifestar sua discordância, enquanto seus colegas italianos se mobilizaram nesta quinta (8).

Os agricultores italianos preparam uma grande manifestação em Roma para hoje, em frente ao Parlamento, com a expectativa de cerca de 2 mil tratores na capital. Alguns ruralistas viajaram por mais de dez horas para se juntar ao protesto.

Maurizio Senigagliesi, um agricultor italiano, destacou a necessidade de fazer-se ouvir: “Temos de agir. Caso contrário, poderemos ter de encerrar todo o setor.”

Outro agricultor, Davide Guarguaglini, ressaltou que é o momento certo para fazer com que o governo ouça suas reivindicações, afirmando: “Não podemos sair daqui de mãos vazias. Temos de conseguir alguma coisa, não podemos continuar assim.”

Na Espanha, cerca de 4 mil tratores foram reunidos pelos agricultores, protestando sob o lema: “Sem agricultura e sem gado, sua mesa ficará vazia”.

O Ministério da Agricultura espanhol emitiu um comunicado reconhecendo o direito de manifestação e afirmando que o governo continua trabalhando para apoiar o setor.

Os protestos dos agricultores europeus têm como principal motivo as políticas ambientais propostas pela UE.

Restrições como a proibição do uso de fertilizantes nitrogenados, pesticidas e antibióticos nas plantações são contestadas pelos agricultores, que também criticam o aumento dos custos de produção, como os impostos sobre o diesel.

As normas visam a preservação ambiental, alegando a contaminação da água subterrânea por esses produtos químicos.

Compartilhe
20/02/2024
DECISÃO
Desembargadora maranhense é afastada pelo CNJ por dois anos
20/02/2024
FORO PRIVILEGIADO
Oposição aposta no fim do foro contra excessos do Judiciário
20/02/2024
PANDEMIA DE CORRUPÇÃO
Mais um membro do Ministério Público maranhense acusado de corrupção

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda